Categoria: OpenCart

Dicas para OpenCart – Informações e tutoriais para quem usa a plataforma OpenCart

Lojas Virtuais responsivas vendem mais

O perfil da população mudou radicalmente desde que a internet passou a fazer parte do dia a dia. A relação com os amigos mudou, a forma de se fazer trabalhos escolares e acadêmicos também. Agora tudo é online e a informação passou a ser fácil e em apenas um clique. Consequentemente, a forma de se comprar também mudou. É muito comum ver pessoas fazendo compras pela internet e por isso ter uma loja virtual responsive não é uma questão de escolha, é uma necessidade! E esse é assunto que será o foco de nosso texto.

O grande facilitador do acesso à internet foi a invenção dos smartphones, que de acordo com pesquisas do IBGE, é o meio preferido pela maioria dos brasileiros para se acessar a internet. Só para se ter uma ideia,em 2014, 36,6 milhões de casas brasileiras já acessavam a internet, o que representa 54,9% do total de habitantes do Brasil. Destes, a cada 5 casas, 4 utilizam o celular para navegar na web.

A importância da boa experiência de compra em lojas virtuais responsivas

Diante do número alto de pessoas que acessam a internet de smartphones, é imprescindível se pensar na experiência do usuário nas compras feitas de smartphones e tablets.  De acordo com pesquisas realizada pelo Google, que é uma das maiores empresas de marketing online do mundo, um site que é responsive (otimizado para dispositivos móveis) converte duas vezes mais que um site que não é otimizado. Nós sabemos que o consumidor é exigente, e com as plataformas online não é diferente. Se o cliente acessa uma loja que é difícil de  navegar, ele logo sai e clica no próximo da lista da pesquisa que realizou no Google . Percebeu como o problema é crítico?

Além disso, em 2015 aconteceu o mobilegeddon, onde o Google passou a dar preferência nos resultados de busca orgânico para sites que são responsive. Isto quer dizer que a maioria do tráfego das pesquisas são dadas aos sites otimizados para celular. Sabe-se que, quanto mais visitantes um site recebe, maior é a probabilidade de este conseguir uma conversão, que para uma loja virtual é uma venda.

Não podemos negligenciar a questão de que, não basta apenas ter um site responsive e esperar que ele por si só gere vendas. Para se ter conversões em uma loja virtual é preciso que sejam realizadas algumas ações de marketing digital como SEO,  marketing de conteúdo, anúncios, email marketing, dentre outros. Assim o lojista garante que a loja receberá muitas visitas, que somada a uma boa experiência de compra aumentará a probabilidade de vendas.

Como saber se seu site está otimizado para dispositivos móveis?

Depois de todas estas explicações você já deve ter se convencido de que a melhor coisa a se fazer é ter uma loja otimizada para celular, certo? Aí fica a dúvida, como saber se a sua loja é responsive?

Bom, existe uma ferramenta do Google em que você pode fazer o teste e verificar se sua loja é otimizada para celular. O teste é gratuito, não se preocupe!

Fazer o teste de loja virtual responsive

Se você fez o teste e a sua loja não passou no “crivo”, saiba que há esperança para você! =D

A má notícia é que é necessário se criar uma nova loja virtual e a boa notícia é que é possível fazer isto com um investimento que cabe no seu bolso.

Plataforma para loja virtual (site de vendas) otimizado para celular

Muitas empresas trabalham com plataformas desenvolvidas para se adaptar à vários formatos de tela. Mas fique atento à todos os detalhes que a empresa proporciona para fazer a melhor escolha para a sua empresa.

Neste post vou abordar a o sistema de loja virtual da Brasil na Web, que trabalha com uma plataforma de loja virtual open Source, a Open Cart. O nosso diferencial está nas atualizações que são feitas continuamente, o suporte aos clientes e garantia de continuidade.

Para você ter uma ideia, na última atualização feita na plataforma de ecommerce Open Cart versão Brasil na Web, além de vários recursos implementados e bugs corrigidos, foi aprimorada a versão mobile da loja virtual, que ficou muito mais amigável e fácil de usar. Dentre os itens incluídos na atualização do 1° semestre de 2017 estão:

  • Opção de exibir ou esconder o banner simples no mobile e no desktop. Item super interessante, pois muitas vezes é necessário criar um banner especial que se encaixe em telas de celular e tablets.
  • Adicionada TAG para mudar de cor o navegador em mobile de android para a mesma cor escolhida na cor do fundo da loja virtual. Isto quer dizer que se o fundo da sua loja for azul, a aba do navegador ficará azul ao invés do cinza, o que ajuda na identificação da sua loja virtual.
  • Adaptado topo no mobile, deixando a busca sempre visível e apenas os links de carrinho e login. A versão da open cart default não tem a opção de busca destacado, item que é de extrema importância em dispositivos móveis.
  • Melhoria na exibição da imagem do detalhe do produto, em mobile.
  • Adicionada opção de escolher, para o mobile, quantos produtos por linha devem ser exibidos
  • Adicionada opção de escolher, para o mobile, quantos produtos por linha devem ser exibidos
  • Ajuste no mapa de cores para a cor do texto do menu mobile seguir a mesma da cor do menu desktop.
  • Ajustado o CSS do simulador de frete no detalhes do produto para poder ficar ao lado do texto “simule o frete” e no mobile um embaixo do outro.

Se você quiser saber todos os itens que foram atualizados é só acessar o link: Atualização Open Cart versão Brasil na Web.

Então, agora você já sabe porque uma loja virtual otimizada para celular converte mais, na hora de escolher a sua loja virtual, seja exigente! Opte por uma plataforma de loja virtual que é responsive e que é preparada para fornecer a melhor experiência de compra!

Referências

Agencia Brasil

Google Apis

Globo

 

 

 

Módulo de Atualização de preço por opção para Loja Virtual Opencart

Atualize automaticamente o preço com as seleções de opções do produto.

Confira este Módulo de Atualização de preço por opção para Loja Virtual desenvolvido para mudar o preço original quando é acrescentado outros valores, que acrescente a mais no valor do produto.

Com este módulo será mais fácil ver o preço do produto com o valor total ao selecionar opções a ele. Na loja virtual o visitante escolhe uma opção que logo em seguida altera o custo do produto, dependendo de suas opções de seleção.

Pode atualizar automaticamente o PREÇO nas páginas do PRODUTO com as seleções das opções do produto. Não tem essa função para atualizar o preço com as opções por opencart padrão.

Como funciona

  • Sem opções selecionado

2-modelo-novo

 

  • Com opção de Revestimento de couro R$10,00 selecionado

Sendo assim, o valor do produto mudará automaticamente.

1-modelo-novo

 

Logo se você possui produtos que altera o preço na opção este módulo é para você!

Espero ter ajudado!

 

Se você interessou e é nosso cliente de Loja Virtual OpenCart versão Brasil na Web, solicite o módulo agora mesmo!

Gostou? Solicite o módulo agora

 

 

 

Vídeo – Criação de loja virtual Open Source Brasil na Web

Nem sempre temos a oportunidade de conversarmos com cada empreendedor para orientarmos sobre a criação da loja virtual, passar dicas e explicar um primeiro passo muito importante:

A escolha da plataforma de loja virtual

Existem muitas opções de serviços para criar loja virtual no mercado e a Brasil na Web vem reunindo cada vez mais o melhor pacote de benefícios para o seu ecommerce começar e crescer com viabilidade.

A Brasil na Web uniu a força do sistema de loja virtual OpenCart, que é Open Source, com a comodidade e economia de um serviço de aluguel de loja virtual.

A primeira grande diferença é que nós não fazemos aluguel de loja virtual, aqui a loja é do cliente a partir da primeira mensalidade, ou seja, você pode ter acesso aos arquivos completos de sua loja. Se um dia precisar dizer adeus, leva tudo e não perde o trabalho investido!

Nosso novo vídeo explica essas e outras grandes vantagens de se utilizar um ecommerce open source com a Brasil na Web com a narração de Sérgio Moreno.

Assista Agora

Robots.txt avançado para OpenCart

Olá pessoal, hoje faremos uma contribuição do nosso arquivo de Robots.txt que usamos em nossas lojas virtuais com OpenCart. Por padrão a OpenCart permite que os buscadores como o Google indexem tudo o que eles encontrarem pela frente. Fato é que, devido a estrutura de parâmetros da OpenCart o Google vai identificar certas páginas e dizer que elas estão duplicadas.

Na OpenCart quando se passa um parâmetro na URL para uma busca, ou mesmo nos filtros e ordenação de produtos, essas páginas são interpretadas como DUPLICADAS pelo Google. Elas possuem o mesmo conteúdo na maioria das vezes e são acessíveis por URLS diferentes.

Outro caso são as páginas que não agregam informações para fins de BUSCA, mas o Google tenta indexá-las. Neste caso o ideal é bloquear o acesso dos bots a tais páginas.

Disponibilizamos abaixo o conteúdo do nosso arquivo robots.txt para você utilizar em sua loja virtual OpenCart e evitar estes problemas de conteúdos duplicados ou páginas sem valor de busca.

Robotx.txt avançado para OpenCart

User-agent: *
Disallow: /*?sort
Disallow: /*&sort
Disallow: /*?limit
Disallow: /*&limit
Disallow: /*?route=checkout
Disallow: /*?route=account
Disallow: /*?route=product/search
Disallow: /*&keyword
Disallow: /*?page=1
Disallow: /conta
Disallow: /historico-pedidos
Disallow: /lista-desejos
Disallow: /newsletter
Disallow: /downloads
Disallow: /?route=affiliate/account
Disallow: /?route=affiliate/payment
Disallow: /?route=affiliate/tracking
Disallow: /?route=affiliate/transaction
Disallow: /?route=affiliate/forgotten
Disallow: /?route=affiliate/register
Allow: /
Sitemap: /index.php?route=feed/google_sitemap

Note que alguns endereços acima são amigáveis como /downloads, /newsletters… adapte-os conforme as urls dessas páginas em sua loja virtual. Se você não tem um arquivo robots.txt ainda, basta abrir um bloco de notas e colar as instruções acima e salvar com este nome.

O arquivo robots.txt deve ficar na pasta raiz da sua loja virtual formando a url:
seudominio.com.br/robots.txt

Gostou? Tem alguma sugestão de bloqueio ou desbloqueio, comente!

 

Resolver conteúdo duplicado do http vs https no Opencart

Olá Pessoal! Mais uma dica rápida pra resolver conteúdos duplicados em sua loja virtual com OpenCart. Em outro post eu falei sobre como resolver o conteúdo duplicado de páginas e títulos do OpenCart devido aos parâmetros de URL, se você não viu dê uma olhada.

Agora vou passar uma boa solução pra resolver o conteúdo duplicado que é tanto acessível por http quanto por https.

O PROBLEMA:

Relatórios do Google e demais ferramentas de SEO apontam que há páginas no seu site sendo consideradas duplicadas, uma versão com http e outra versão com https.

Um caso onde isso ocorre é quando você tem um certificado digital ssl em sua loja e alguns links do rodapé hora apontam para as páginas como http e hora apontam como https e eles precisam estar ali desse jeito mutante mesmo.

 

A SOLUÇÃO:

Bloquear o acesso dos bots às páginas com https por meio da meta tag robots > noindex, nofollow.

A premissa dessa solução no OpenCart é a de você ter implementado o HTTPS só nas áreas padrões e não na loja inteira! Ou seja na área de conta do cliente, carrinho , checkout e sistema administrativo. Então você pode criar um VQMOD com o seguinte código abaixo:

<?php
if (isset($_SERVER['HTTPS']) && strtolower($_SERVER['HTTPS']) == 'on') {
echo '<meta name="robots" content="noindex,follow" />'. "\n";
}
?>

Com isso o servidor vai incluir essa meta tag nas páginas da loja quando a url estiver em HTTPS. E assim esses conteúdos não serão indexados. Em vias de fato, esse conteúdo nunca deveria ser indexado mesmo, mas originalmente a opencart não impede essa indexação e esse método vai resolver esse conteúdo duplicado por http e https pra você!

DOWNLOAD DO VQMOD

Melhor, em breve vamos deixar esse VQMOD disponível para download gratuitamente na Loja BNW.

Prometo que volto aqui e coloco o link direto pra ele!

Existem mais alguns métodos onde encontrei essa solução neste site aqui, caso queira avaliá-los!

Obrigado pela visita, comente e volte sempre!

Resolver páginas e títulos duplicados no OpenCart

Olá pessoal hoje estou trazendo uma solução rápida debatida lá no fórum oficial da OpenCart que pode ser muito útil.

O PROBLEMA:

O Google e outras ferramentas estão acusando em relatórios que o seu site está com páginas ou títulos duplicados como por exemplo:

  • /Lenovo
  • /Lenovo?sort=pd.name&order=ASC
  • /Lenovo?sort=rating&order=ASC
  • /Lenovo?page=1
  • /Lenono??page=2

Entre outras variações de parâmetros de URL que a OpenCart possui. Você vai resolver isso agora rapidamente.

Solução:

Crie um arquivo chamado robots.txt com a seguinte instrução e coloque na raiz de instalação da sua loja virtual, geralmente na public_html:

User-agent: *
Disallow: /*?sort
Disallow: /*&sort
Disallow: /*?limit
Disallow: /*&limit
Disallow: /*?route=checkout
Disallow: /*?route=account
Disallow: /*?route=product/search
Disallow: /*&keyword
Disallow: /*?page=1
Allow: /

Pronto os bots vão parar de indexar estes parâmetros e resolver o problema no seu relatório de SEO!

Até a próxima!

Manual OpenCart para Desenvolvedores – Guia Inicial

Olá Pessoal. Este é um post bem técnico direcionado para desenvolvedores, logo se você é um Lojista que utiliza OpenCart, não precisa se preocupar com tudo isso. Mas para o mundo dos códigos a documentação é algo muito importante então estamos compartilhando essa informação que pode ajudar muito na hora de resolver problemas ou criar novos módulos para OpenCart!

 

OpenCart 1.5.x desenvolvedor guia rápido para iniciantes na plataforma.

Este guia foi escrito para desenvolvedores já familiarizados com PHP, OOP (orientação a objeto) e da arquitetura MVC (Model – View – Control).

Esse conteúdo é voltado para o ambiente da pasta CATALOG. O lado administrativo é idêntico em função, com exceção dos VIEWS que serão informados nas sessões relevantes.

Entendendo as bibliotecas

Todas as funcionalidades da biblioteca são acessíveis através do Controller, Model e Views usando $this->library_name. Tudo isso pode ser encontrado no diretório /System/Library/ pasta. Por exemplo, para ter acessar os produtos no carrinho de compras, você vai precisar usar o carrinho de classe, que está em /System/Library/cart.php e pode ser acessado usando $this->cart->getProducts()


Itens comumente usados:

customer.php – Funções relacionadas ao cliente
user.php – funções relacionadas usuário admin
cart.php – funções relacionadas Carrinho
config.php – Todas as configurações são carregadas a partir deste
url.php – funções de geração de URL

Entendendo o parâmetro de rota

O FrameWork do OpenCart depende da rota = aaa/bbb/ccc no parâmetro de string de consulta para saber o que carregar, e é o recurso que encontrar os arquivos que você precisa editar para cada página. A maioria das rota usa somente o formato aaa/bbb que deve ser visto como duas partes, no entanto alguns contêm três partes aaa/bbb/ccc  A primeira parte aaa geralmente relacionada com a pasta dentro de uma pasta genérica, como o controlador ou pastas de modelos. A segunda parte geralmente relaciona-se com o nome do arquivo, sem a extensão . Php ou extensão TPL.. A terceira parte é explicado como funciona os Controllers abaixo.

Entendendo o Languages (idiomas)

Idiomas são armazenados em /catalog/language/pasta na subpasta do idiomas. Dentro disso, os valores de texto gerais utilizados em várias páginas são armazenadas no arquivo seu-idioma.php dentro da pasta, então, para a linguagem Inglês no lado do catálogo, você encontrará os valores em catalog/language/ English/english.php . Para o texto página específica, você vai precisar da rota para a página (Este é geralmente o caso, mas não sempre, como você pode especificar qualquer arquivo de Language que você gosta). Por exemplo, a página de pesquisa tem o produto Route/Search e, portanto, o texto linguagem específica para essa página pode ser encontrada no catalog/language/English/product/search.php (Observe o nome do arquivo e subpasta deve coincidir com a rota seguida por. php.

Para carregar o idioma em um controlador, você pode usar

$this->language->load(‘produto/search’);
Então você pode usar a função de biblioteca de linguagem que começa a recuperar textos de linguagem específicas, tais como

$titulo = $this->language->get (‘heading_title’);
As variáveis ​​linguísticas são atribuídos no arquivo de idioma usando uma variável especial $_ que é um conjunto de chaves e valores de texto. Em seu /catalog/language/english/product/search.php você deve encontrar algo semelhante ao

$_ [‘heading_title’] = ‘Pesquisar’;
Os valores no arquivo de língua global english/english.php são automaticamente carregados e disponíveis para uso sem o $this->language->load metodo.

Entendendo os Controllers

Os controladores são carregados com base na rota e são bastante simples de entender. Controladores estão localizados no diretório /catalog/controller/ pasta. Continuando a partir do último exemplo, o controlador para a página de pesquisa está em /product/ search.php dentro desta pasta. Observe mais uma vez que a rota seguida por .Php é usado.

Abrindo o arquivo do controlador, você verá um caso classname camelo estendendo a classe Controller, chamado ControllerProductSearch. Este novo é específico para a rota, com Controller seguido pelo nome da subpasta e o nome do arquivo sem a extensão capitalizados. A capitalização não é realmente necessário, mas é recomendado para facilitar a legibilidade. É interessante notar que classnames não tomar quaisquer valores do nome da subpasta e arquivo diferente de letras e números. Sublinhados são removidos.

Dentro da classe são os métodos. Métodos na classe declarada pública são acessíveis a ser executado pela via – privado não são. Por padrão, com um padrão de dois rota parte (aaa / bbb acima), um método de índice de inadimplência () é chamado. Se a terceira parte de uma rota (ccc acima) é usado, este método será executado em seu lugar. Por exemplo, a conta de retorno / / insert irá carregar o / catalog / controller / account / file return.php e classe, e tentar chamar o método de inserção

Compreensão de modelos

Modelo em OpenCart são encontrados no diretório / catalog / modelo / folder e são agrupados de acordo com a função e não a rota e, portanto, você terá que carregá-los em seu controlador via

$ This-> load-> model (‘xxx / yyy’);
Isto irá carregar o arquivo no xxx subpasta chamada yyy.php. É então disponíveis para uso através do objeto

$ This-> model_xxx_yyy
e como com os controladores só pode chamar seus métodos públicos. Por exemplo, para redimensionar uma imagem, você deve usar a ferramenta / modelo de imagem e chamá-lo de método de redimensionamento da seguinte forma

$ This-> load-> model (‘ferramenta / imagem’);
$ This-> model_tool_image-> resize (‘image.png’, 300, 200);
Compreender atribuição de variável em vistas do controlador

A fim de passar valores para a vista do controlador, basta atribuir os seus dados para o $ this-> dados variáveis, que é essencialmente um conjunto de pares chave => valor. Como um exemplo

$ This-> data [‘example_var’] = 123;
Acessando isso em um ponto de vista é um pouco deve ser fácil de entender se você está familiarizado com o método extract () que converte cada tecla em uma variável. Portanto, a chave torna-se example_var $ example_var e pode ser acessado, como tal, na visão

Temas compreensão

Temas estão disponíveis apenas para o lado do catálogo, e são basicamente uma pasta de modelos, folhas de estilo e imagens do tema. Pastas temáticas são colocados no diretório / catalog / view / theme / pasta seguido do nome do tema. O nome da pasta não é de importância com exceção para a pasta padrão

O lado administrador usa / admin / view / template / (ignorando o / tema / theme-name / do caminho, uma vez que não permite que diferentes temas)

Os arquivos de modelo residir em uma pasta de modelo dentro da pasta do tema. Se algum modelo não estar disponíveis para o tema selecionado, modelo da pasta de padrão é usado em vez como um fallback. Isso significa que os temas podem ser criados com muito poucos arquivos e ainda funcionar plenamente. Ele também reduz a duplicação de código e questões como as atualizações são feitas

Vistas Entendimento (templates)

Tal como acontece com linguagem e modelos, do arquivo de exibição geralmente estão relacionadas à rota, que não tem que ser em tudo. Templates no lado do catálogo são normalmente encontrados em / catalog / view / theme / seu-tema / template / a não ser que não existe, no caso em que os modelos do tema padrão será usado. Para o nosso exemplo de busca da página acima, o arquivo é um produto / search.tpl. Para rotas com três partes, é geralmente em aaa / bbb_ccc.tpl que não há nenhuma regra set duro. Na administração, a maioria das páginas seguem este, com a ressalva de que páginas de anúncio itens, como a página de listagem de produtos estão em catalog / product_list.tpl eo produto formulário de edição é no catálogo / product_form.tpl. Novamente, estes não estão definidos, mas um padrão para o carrinho padrão

Vale a pena salientar que o arquivo de modelo é na verdade apenas mais um arquivo PHP, mas com uma extensão TPL. E é realmente executado no arquivo controlador, portanto, todas as coisas que você pode codificar em um controlador pode ser executado em um arquivo de modelo ( Embora não seja recomendável, a menos que seja absolutamente necessário)

Compreender o objeto de banco de dados

Consultas são executadas usando

$ Result = $ this-> db-> query (“SELECT * FROM` “DB_PREFIX” tabela `”..);
DB_PREFIX como o nome sugere é uma constante que contém o prefixo do banco de dados, se houver

$ Resultado irá retornar um objeto para consultas SELECT, que contém algumas propriedades

$ Result-> linha contém os dados da primeira linha se um ou mais são retornados como uma matriz associativa

$ Result-> linhas contém um conjunto de resultados de linha, ideal para fazer loop para usar foreach

$ Result-> num_rows contém o número de resultados retornados

Existem também alguns métodos extra de $ this-> db objeto tem

$ This-> db-> escape () usa mysql_real_escape_string () sobre o valor passado

$ This-> db-> countAffected retorna o número de linhas afetadas por uma consulta UPDATE e assim por diante

$ This-> db-> getLastId () retorna o último ID de auto incremento usando mysql_insert_id ()

Compreender variáveis ​​reservadas

OpenCart tem variáveis ​​pré-definidas para usar no lugar do padrão de $ _GET, $ _POST, $ _SESSION, $ _COOKIE, $ _FILES, $ _SERVER e $ _SERVER

$ _SESSION É editado usando $ this-> Session-> data em que os dados é uma matriz associativa imitando o $ _SESSION

Todos os outros podem ser acessados ​​usando $ this-> pedido e foram “limpas” para cumprir com magic quotes ativado / desativado, por isso

$ _GET Se torna $ this-> request-> get

$ _POST Se torna $ this-> request-> mensagem

$ _COOKIE Se torna $ this-> request-> Cookie

$ _FILES Se torna $ this-> request-> arquivos

$ _REQUEST Se torna $ this-> request-> pedido

$ _SERVER Se torna $ this-> request-> servidor
Espero que esse breve Manual da OpenCart tenha sido útil!

Aparece lá pela fórum oficial da opencart ou pela fórum brasileiro! Nos vemos lá! 🙂